Depressão

A depressão é uma doença séria, um distúrbio mental, não é fraqueza, nem ingratidão. Procure ajuda médica.
 11,5 milhões de pessoas sofrem de depressão no Brasil. 

A sensação persistente de tristeza ou perda de interesse que caracteriza a depressão pode levar a uma variedade de sintomas físicos e comportamentais. Estes podem incluir alterações no sono, apetite, nível de energia, concentração, comportamento diário ou autoestima.

A depressão também pode ser associada a pensamentos suicidas.

As causas possíveis incluem uma combinação de origens biológicas, psicológicas e sociais de angústia. Cada vez mais, as pesquisas sugerem que esses fatores podem causar mudanças na função cerebral, incluindo alteração na atividade de determinados circuitos neuronais no cérebro.
 
A base do tratamento geralmente inclui medicamentos e psicoterapia. Cada vez mais, as pesquisas sugerem que esses tratamentos podem normalizar alterações cerebrais associadas à depressão.
 
No vídeo desta semana vamos conversar sobre o preconceito com quem sofre de depressão, as causas e o tratamento.
 
O entrevistado é o psiquiatra Joel Rennó Jr. Ph.D em Ciências. Dr. Rennó é atualmente professor do Departamento de Psiquiatria da FMUSP, Diretor do Programa Saúde Mental da Mulher (ProMulher) do Instituto de Psiquiatria da USP e Coordenador da Comissão de Estudos e Pesquisa da Saúde Mental da Mulher da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

0